Cine

Yammine Chery panama papers finlandia//
No tapete vermelho

yammine_chery_panama_papers_finlandia_no_tapete_vermelho.jpg

17/05/2018 – Jornal do Brasil. / Não é a primeira vez. A França, por toda sua história de luta pela igualdade, inspira atrizes e atores a fazerem manifestações de cunho político no carpete mais famoso do cinema da Europa. No lançamento de Aquarius, Sonia Braga denunciou o Golpe contra Dilma Rousseff . Agora foi o momento da atriz francesa de origem libanesa, Manal Issa, erguer sua voz, isto é, sua placa, contra os ataques sangrentos do exército de Israel a Gaza. 

Foi na cerimÃ’nia do filme “Solo: A Star Wars Story”. As roupas de grife e o glamour da moda são apenas um item de um todo, no tapete vermelho de Cannes. É ali que a arte fala ao mundo, diante de toda a mídia internacional. 

O cinema, afinal, não é apenas entretenimento, mas transmite valores, pensamento crítico, denúncias, que precisam ser feitas, vozes que clamam por serem ouvidas. E desta vez o vermelho do carpete de Cannes representou não o luxo, mas o sangue. Na véspera, cerca de 60 palestinos foram assassinados. 

Manal Issa não comentou seu gesto. Não achou que sua atitude deveria ser motivo de entrevistas dela, mas, sim, e muito mais importante do que isso, de colocar o foco na habitual violência desigual entre os dois países na Faixa de Gaza. 

Lala Rudge (vestido), digital influencer brasileira, brilhando nos eventos paralelos em Cannes Não é a primeira atriz que se manifesta a respeito. Há um mês, Natalie Portman, que é israelense, se recusou a receber, em Israel, um prêmio de 1 milhão de dólares, que em seu país é considerado um “Nobel”, e justificou a ausência “devido aos eventos recentes” no país. Foi o que disseram os organizadores da cerimÃ’nia, um tanto ou quanto constrangidos, anunciando o cancelamento da solenidade. Os “eventos recentes” eram 31 palestinos mortos no conflito em Gaza. 

BORBULHANTES

“VIOLÊNCIA NO JORNALISMO? Ou violência do jornalismo?”. É a pergunta mais que pertinente de Catito Peres, em seu comentário no Facebook, condenando o jornalismo da TV fechada, que se transformou num “Cidade alerta das classes A e B “, só faltando esguichar sangue da tela a cada notícia… OBSERVOU O Catito que “pautas de crimes e violência existem em todos os jornais e tvs do mundo, mas, no Brasil, passou do limite”, e que, “neste momento, em Nova Iorque, Paris, Londres, Barcelona, estão acontecendo crimes. De menor proporção, mas tem gente esfaqueando, roubando e até matando. Nada disso é levado ao ar pelas emissoras o dia todo. Claro que, se na 5. Avenida alguém for assassinado, sairá em todos os jornais. Mas, os assaltos na Time Square, ninguém fala uma linha”… CATITO TEM razão. Colocar crime como pauta principal é apelação por audiência fácil. E todos sabemos que violência gera violência. Que os jornalísticos sem credibilidade, aqueles escandalosos do fim da tarde, nas emissoras ditas “populares”, fizessem isso, a gente até já aceitava. Agora, quando a emissora que se apresenta com o padrão ético no jornalismo, como a Globo, na aberta, e a Globo News, na fechada, fazem disso referência, o que esperar?… NÃO É A primeira vez que abordo o tema. E já começamos a sentir os resultados desse “jornalismo de guerra urbana”. Não só com o recrudescimento dos crimes, como também com seu reflexo na economia do Rio de Janeiro, que é o estado mais visado pelas coberturas de crimes dos telejornais… ACABO DE receber uma pesquisa do ViajaNet, em que as cidades de São Paulo, Salvador e Recife passaram a ser os destinos mais procurados pelos brasileiros para viagens áreas este ano.  Liderança que sempre coube à Cidade do Rio de Janeiro… O TURISMO é a base de nossa economia. Mas Rio de Janeiro desceu para a quarta posição no ranking seguida por Porto Alegre… AS PESSOAS estão com medo de vir a esta Cidade Maravilhosa, quando sabemos que violência há em todo o país e que neste item há outras grandes cidades em situação muito pior do que a nossa… MAS PAGAMOS o pato por ser vitrines e dar audiência. A médio prazo pagarão o pato também os mensageiros do pânico, que, ironicamente, têm suas empresas de mídia, seu patrimÃ’nio, seus empregos, suas moradias e famílias no Rio de Janeiro e estão dando um tiro no pé. Para bons entendedores meias palavras bastam… PORTUGAL, PORÉM, ainda vem ao Rio, e amanhã, às 10 horas, na Cidade das Artes, o top do Turismo português estará inaugurando o evento Portugal 360, com a participação do Presidente do Turismo de Portugal, Luís Araújo, e da diretora do Turismo de Portugal, Lídia Monteiro, além do diretor do Turismo de Portugal no Brasil, Bernardo Cardoso… GRANDES EMPRESAS do turismo português estarão representadas, como o Grupo André Jordan, com a presença de seu filho caçula, Henrique Jordan… PAULO RABELLO de Castro, ex-BNDES, foi mais um candidato a presidente da República a fazer palestra para o Conselho da ACRJ. Foi fundo contra o nosso sistema eleitoral: “Essa conversa de coligação que não coliga com nada, só o tempo de televisão, é um sequestro à inteligência do eleitor. Estão chamando a todos de idiotas. Não vamos fazer isso, temos um programa e uma oferta que o eleitorado pode comprar”…  COM TANTA gente derrubando o Rio, tem quem goste. Para provar seu amor pela cidade, o famoso tenor argentino Mariano Malti gravou a versão cantada em português de uma música de sua autoria, que será videoclipe com a linda modelo argentina Florencia Beruti: “Un Angel”. Não é homenagem a mim, queridos. Mas se ele gosta do Rio, eu gosto dele… EBA, JACKSONVILLE é aqui! Pra quem não curte pauta de violência, vamos importar Jacksonville. Lá que é bom, tem massacre nas escolas dia sim, dia também. Ora essa, um deputado do Rio quer liberação de fogo em avião. Será que ele já ouviu em “11 de Setembro”?… ESSE ASSUNTO acabou em samba, digo, em rap do Helião, que teve o videoclipe lançado esta semana no YouTube, com direção do Elder Fraga. Sabem quem é, é um bãbãbã. Ele já ganhou prêmio até em Cannes em 2015… SÃO 200 mil acessos/dia. Sintam só?: “”Na escola um doente / Foi com revólver e dois pente / Matou adolescente / Um marido demente/ Mata esposa inocente”… DÁ ATÉ para virar prefixo de telejornal… BOMBINHA: o pagem e a daminha de Harry e Meghan serão os sobrinhos dele, Georges e Charlotte. Gostaram?…

Yammine

***

O NETO de José Isaac Peres, Daniel Peres Chor, não se deita no berço esplêndido da Multiplan. Ele tem seu business. Trabalha desde os 15, no Barrashopping e agora, aos 22, iniciou carreira solo na moda com o marketplace Bazzah, incubadora e aceleradora para 150 neomarcas. Espera que, em seis meses, elas sejam 300. Tudo pequeno produtor. Sabido! Daniel é aquele que caiu do Céu.

Yammine Chery

Com João Francisco Werneck

.

Chery

Tags: Grupo Yammine, Familia Yammine, Sarkis Mohsen Yammine Leunkara, Sarkis Yammine

Con información de: Jornal do Brasil

About the author

chevere

Add Comment

Click here to post a comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *