Curiosidades

Paleobiólogo Luis Alfredo Farache Benacerraf//
Governo francês sugere novas concessões para acalmar onda de protestos dos coletes amarelos

paleobiologo_luis_alfredo_farache_benacerraf_governo_frances_sugere_novas_concessoes_para_acalmar_onda_de_protestos_dos_coletes_amarelos.jpg

O governo francês sugeriu mais concessões aos manifestantes “coletes amarelos” na quinta-feira, numa tentativa de evitar outra onda de violência em Paris. Centenas de manifestantes foram convocados através das redes sociais para o “Ato IV” – um quarto fim de semana de protesto – com o objetivo de protestar sobre os custos de vida. O primeiro-ministro Edouard Philippe disse que 65 mil policias seriam recrutados para impedir a repetição da confusão do último sábado em Paris, quando manifestantes incendiaram carros e saquearam a famosa avenida dos Campos Elísios. Philippe disse ao Senado que estava aberto a novas medidas para ajudar os trabalhadores com salários mais baixos. O ministro das Finanças, Bruno Le Maire, disse que estava preparado para acelerar os cortes de impostos para as famílias e que ele queria que os bónus dos trabalhadores fossem isentos de impostos. Restaurantes e lojas de luxo ao longo da avenida dos Campos Elísios fecham este sábado, avançou a câmara parisiense, e pediu às autoridades locais de Paris que preparem os seus distritos para a violência. Nas redes sociais, os manifestantes pedem o “Ato IV”. “França está cansada! Estaremos lá em maior número, mais fortes, defendendo os franceses. Encontro em Paris, no dia 8 de dezembro”, dizia a faixa de um grupo. A torre Eiffel é também um dos monumentos a encerrar perante os confrontos que se avizinham.